O HINO DE AMOR

(Maratona com Jesus)


 

Tuas súplicas não são em vão

13 de julho de 1996

Vinde, Senhor, ao lugar mais íntimo de Vossa casa;

Vinde à minha mesa, Senhor,
para que possais abençoar o que partilharemos, lado a lado;

Vinde Senhor e cercai-me, de todos os lados,
em Vosso Sagrado Coração, cercai-me;

Que Vossa Luz então me cubra
e se envolva ao meu redor,
para que não haja mais escuridão
dentro de mim ou à minha volta;

Vinde, ó Visitador Fiel, e visitai-me, agora;
vede? Deus agora me visitará...

Eu Sou está contigo; dou-te Minha Paz;

teu Visitador pergunta: conheces alguém que ultrapasse Minha Beleza e Minha Perfeição? não, não há ninguém... nem ninguém que ultrapasse Minha Sabe doria, Meu Conselho e Meu Entendimento; tens o Visitador Perfeito à tua porta; na verdade convidastes agora à tua mesa o Alfa e o Ômega, o Justo, que não apenas entrará no interior de tua casa para compartilhar uma refeição a teu lado, mas também acenderá tua lâmpada; agora vem, aprende de Mim e satisfaze Minha sede de almas; contrariamente do que pensas, tuas súplicas não são em vão;

ah!... Minha Vassula, Eu sou também teu Pastor, por isso coloca tua cabeça em Meu Sagrado Coração e obtém as delícias de Meu Coração, para que estejas mais disposta que nunca a expiar por teus irmãos e irmãs... não tenhas medo, filha de Meu Pai, Eu te dirigirei como sempre tenho feito;

vem, nós? Eu, Jesus Cristo, Filho de Deus e Salvador, santificarei Meu resto, com Meu Espírito Santo;

salfomeg

Compartilha esta Mensagem!