O HINO DE AMOR

(Maratona com Jesus)


 

Não percas a coragem, filha
A hora das trevas está sobre ti

6 de março de 1995

(De repente a Cruz em mim tornou-Se pesada demais.)

No início, meu Senhor,
Vós me acariciastes e observastes cada uma de minhas respirações
com ternura maternal.

Vós me modelastes, recordai-Vos,
assim como a argila mole é modelada, com muito cuidado;
e me podastes para poder recomeçar minha vida,
mas eu jamais o senti,
tão delicado era Vosso toque.

Vós então me dotastes com Vosso Espírito Santo, o Doador da Vida,
e meus dias, desde então, passaram apressadamente,
vendo apenas delícias em sua fuga;

Por que hoje sou espezinhada pelos insensíveis
que não conseguem espreitar através de sua escuridão sombreada?
Eles, que vivem sob um véu impenetrável
e que têm de tatear seu caminho quando precisam caminhar?

Vós me prometestes que sua grandeza
será reduzida a nada
e sua sabedoria, a pó.

Sois conhecido por salvar os de olhar abatido e os inocentes,
sois conhecido por anotar tudo o que é dito e feito,
devo ser constantemente esmagada sob os Escombros?1

Quanto mais posso ser golpeada?
Minha perplexidade ainda não Vos desafiou?
Posso tornar-me mais abjeta do que já sou?

E agora Vós Vos deliciais por me terdes,
onde a própria luz é como a calada da noite.

escuta, Meu cordeiro: dizer-te agora que Eu vou descarrega2 de ti Minha Cruz que tão generosamente pediste para partilhar Comigo, seria completa loucura de Minha parte! as provações que suportas por Mim não são mais do que qualquer um tem... não percas a coragem, filha, e não te aventures em dizer: aquele que sonda o coração não tem compreensão? Minha Sabedoria não pode ser explorada pelos homens;

olha! tua corrida ainda não terminou, afinal não ouvistes com que desespero os prisioneiros do Hades3 batem à tua porta?4 não te escolei para que teu coração compreenda tua missão? Vassula! não ouviste seus gemidos? atormentadas na noite essas almas correm à tua porta para obter ajuda;5 és débil e vacilas agora... não Me desapontes...

em tempo de fome, venho a ti para te alimentar e, de novo, em tempo de morte, Eu te salvarei; por isso faze-Me feliz e permite-Me fazer uso de ti para os Meus Interesses; ama-Me e deixa teu amor por Mim aumentar, para que os vermes jamais cubram tua carne; aumenta tuas orações e oferece-as por Minhas intenções; Eu jamais esconderei Minha Face, de ti, jamais;6

Fruto de Meu Amor, Flor de Minha Coroa de Espinhos, Botão de Minha Igreja, não fiques intimidada por Meus Cravos; Aluna-de-Meu-Conselho, sabes que a humilhação e a calúnia te santificam? esquecestes que te contei como uma de Minhas filhas de Minha Igreja? o que é mais desejável do que ser parente de Meu Sangue? Eu Próprio te escolhi para seres Minha porta-voz em muitas nações, e ensinei-te as Sagradas Escrituras,7 pingando em tua boca Meu Conhecimento como mel que escorre do favo; Meu Conhecimento é doce, mas também é amargo;8 doce, porque anuncio Meu glorioso triunfo com Meu povo, e amargo por causa desta dolorosa apostasia de Minha Igreja, a qual precede Minha vitória...

ah!9 geração! a hora das trevas está sobre ti, agora que ingressaste no barco da morte, ele te levará à morte; o sinal de perigo foi-te dado há cerca de dez anos,10 e tem ressoado em teu ouvido por dez anos, mas tens fugido de Minha Voz, que troveja todo este tempo... estrangeiros têm sido mais atentos e mais sensíveis à Minha Voz do que vós, vós11 que diariamente chamais Meu Nome e que diariamente Me elevais; se ao menos pudésseis escutar, se ao menos vós que estais morrendo, vísseis Minha ajuda salvadora! mas um véu de sombra está sobre vossos olhos... ah!12 se apenas soubésseis como estais totalmente mortos e como o resto de vós se transformou em coveiros de vossas próprias sepulturas... por testemunhar contra Meu Espírito Santo e tentar ocultar Minhas Obras que são para Minha Glória, vos conduzirá aos fogos eternos;

digo-te, filha, não há como sondar Minha tristeza, por isso permite-Me, filha, partilhar Minha Cruz contigo, e permite-Me continuar a cultivar-te até o fim; volta teus olhos para Mim e não Me afastes nunca de tua vista; Eu te prometo que cumprirei tua missão junto contigo; evita qualquer tendência para a administração, pois essa foi a verdadeira causa deste perigoso atraso! torna Minha Mensagem conhecida de todos e mostra-lhes que Eu sou um Deus que salva;

selfish

1 Os escombros: os espiritualmente mortos.

2 A palavra descarregar, tirar a carga, tem aqui duplo sentido. O primeiro é aliviar. O segundo é tirar o oráculo, deixarei de dar-te oráculos, pois carga em hebraico (massa) significa oráculo. Ler Jr. 23, 33-40.

3 Purgatório.

4 Muitas vezes, entre 4h e 4h30, a porta do meu quarto era quase derrubada pelas batidas das almas.

5 A ajuda lhes é dada através das orações.

6 Jesus disse, muito solenemente, essas palavras.

7 A Santa Bíblia.

8 Alusão a Ap.10, 8-11.

9 Esse foi um profundo e doloroso suspiro de Nosso Senhor.

10 Essa Mensagem estabelece o marco de seu décimo aniversário em novembro de 1995.

11 Compreendi: os sacerdotes. Muitos recusam acreditar nos carismas proféticos que poderiam ajudar a Igreja e, de fato, tornam-se perseguidores do Espirito Santo, que concede tais carismas.

12 Outro suspiro profundo.


Compartilha esta Mensagem!