O HINO DE AMOR

(Maratona com Jesus)


 

Quem deseja desistir de seus interesses pelos Meus?

30 de março de 1992

O dia todo,
eu Vos desejo, meu Deus;
durante todo o dia, eu me consumo de amor por Vós,
por causa de Vossa Ternura
e de Vossa Infinita Misericórdia, meu Deus;
o Amor que me demonstrastes
faz minha alma gritar, mais que nunca, para que me resgateis.
Anseio pela Casa em que viveis.
Anseio pela Vossa Corte Sagrada.
Dizei-me, então, meu Senhor e meu Deus, o que posso esperar?
Considerareis minha fragilidade?
Ah! Libertai-me de todos meus pecados e reconsiderai-me.
Todas as minhas esperanças estão em Vós, meu Deus.
Amém.

ah! Minha Vassula, sê Meu instrumento consolador; Eu, Jesus, te abençoo; não tenhas medo, Minha filha, Eu sou o Todo Fiel e estou a teu lado;

Minha filha, por causa de Meu Amor, pus à prova tua fé e encontrei Minha glorificação; não sou um estranho para ti, permite, então, que te atraia, uma vez mais, para dentro de Minhas Chagas; não tenhas medo, mostrarei Minha Glória por meio de ti e os homens saberão o quanto sofri;

vem, aproxima-te, as Chamas de Meu Fogo de Amor estão saindo de Meu Sagrado Coração e, se Me permitires, Eu te visitarei dessa forma e farei de ti uma tocha viva; foste destinada para honrar-Me e trazer-Me almas, a fim de que Eu possa consumi-las; farei delas, vasos de Luz, chamas brilhantes que nunca cessam, que nunca diminuem e que nunca se apagam; ah! Minha pequena! cada fibra de Meu Coração grita por Amor! Paz! Unidade!

Eu sou teu Santo Companheiro, criação, teu Amigo mais Fiel, que te convida, noite e dia, à Minha Mesa; apelo, incessantemente, para tua amizade a fim de salvar-te... Meu Pai reservou um Fogo para os pecados desta geração e, como uma ventania, Ele virá inesperadamente sobre vós; as pessoas dizem: “nós teremos paz”, mesmo quando seu coração é a favor da guerra contra Mim e contra os poderes do Céu; como uma rajada de vento, virei pronunciar Minha sentença sobre esta geração ímpia; como uma furacão, soprarei em vós e vos espalharei como joio;

Senhor, o que será daqueles que Vos amam? O que será de Vossas almas vítimas? Certamente, deve haver alguns homens que Vos amam? Há alguns, meu Rei, que não Vos abandonaram para servir a falsos deuses ou à besta.

coloca-os numa balança... e vê, qual dos dois pratos é o mais pesado? até o dia de hoje, muitos não sentem nem contrição nem medo; desejo dar a todos Minha Misericórdia, antes de Minha Justiça, e desejo dar, a cada um, um único coração com um espírito de Amor, mas preciso de mais almas vítimas, preciso de amor sacrificial; quantos estão prontos para o sacrifício? quantos estão prontos para se oferecer a Mim, para serem transformados em crucifixos? será que o ouvido de alguém se renderá às Minhas súplicas; quantos desejam transformar-se em promotores da paz e semear sementes que produzirão frutos na pureza? quem poderá permanecer não contaminado pelo mundo até Meu Regresso? quem será rápido no escutar?

Sou bondoso e cheio de compaixão, mas muito poucos querem estar em união Comigo; quem renunciará a seus motivos pelos Meus Motivos? quem deseja desistir de seus interesses pelos Meus? quem deseja buscar o que é menos procurado neste mundo:

- Minha Cruz

e suportá-La com amor; quem está pronto para buscar o que é menos procurado no meio de vós, quem buscará: o Amor?

vem, reza pela conversão do mundo;

selfish

Compartilha esta Mensagem!