O HINO DE AMOR

(Maratona com Jesus)


 

Mensagem para os prisioneiros de Muntin Lupa, em Manilha, Filipinas

5 de dezembro de 1991

(Para os prisioneiros de Muntin Lupa, em Manilha, Filipinas)

Vassula, Paz, Minha filha; dize aos prisioneiros:

não sabíeis? não ouvistes como a Misericórdia Se inclina sobre toda a humanidade? aqui está vosso Deus, que Se inclina de Seu Trono para vos alcançar;

- Eu vim até vós -

para vos dizer do Grande Amor que tenho por cada um de vós;

Eu sou vosso Deus, que falo através de Meu instrumento para vos dar Minha Mensagem; Eu vim para falar ao vosso coração e vos consolar, Meus amigos; Eu vos digo, o mundo não é nada diante de Mim, portanto, não tenhais medo do mundo; vinde a Mim e apoiai-vos em Mim; e Eu vos pastorearei às Minhas Águas Eternas; tratarei de vossas feridas e as curarei; Meus Olhos jamais vos deixam e digo-vos, Comigo, vossa mesa estará sempre cheia; Comigo, ceareis, Meus amigos: e quando o pesado açoite cair sobre vós, não deixeis que isso vos confunda, bem-amados; todas as vezes que ele cair sobre vós, olhai para Minhas Chagas que vos curaram e vos salvaram da Morte;

olhai para Mim, vosso Salvador; não olheis para vossa esquerda nem para vossa direita; segui Minhas Pegadas; vós as reconhecereis pelo rastro de Sangue nelas encontrado; segui-As, bem-amados, e Elas vos conduzirão até onde Eu Sou;

abençoo cada um de vós, deixando o Suspiro de Meu Amor em vossas frontes; o Amor vos ama;

selfish

(Para a irmã Theresa, que toma conta dos prisioneiros, e que os transforma em seres devotos a Deus.)

Eu lhes dei uma Rocha e, ah! ... como amo essa Rocha; Eu, o Senhor, a abençoo, e a abençoo, pois de um deserto onde se aninham as serpentes, ela os transformou em

um solo produtivo,
um jardim onde, Eu, o Senhor,
posso ter Meu repouso;


Compartilha esta Mensagem!