O HINO DE AMOR

(Maratona com Jesus)


 

Deixa-Me pregar para ti

1 de junho de 1991

filha, deixa-Me pregar para ti; fui Eu que de tei o Conhecimento; reza para que Meu Reino na Terra seja como no Céu;


2 de junho de 1991

(Aqui, Jesus explica o capítulo 21, parte do capítulo 22 do Apocalipse e os versículos 31 a 39 do capítulo 11 de Daniel.)

Meu Senhor?

Eu Sou; a Paz esteja contigo;

em breve, muito em breve agora, Eu te despirei de teu antigo comportamento e de teu velho eu, criação, para revestir-te com Minha Divindade1 e lembrar-te do Verdadeiro Conhecimento, por isso, Meus bem-amados, escutai Meu Espírito Santo; permiti-Me preparar todos vós, a fim de que estejais prontos para receber Meu Reino; Eu, o Senhor, convido todos a partilhar Comigo e ver Minha Glória;

Meu Coração está doente de amor por ti, geração...2 ai daqueles que ainda carregarem seu pecado aninhado dentro de si como se estivessem com criança, quando Meu Dia chegar; rezai para que todos possam estar prontos quando esse dia chegar; preocupai-vos com vossos irmãos que ainda vivem na escuridão e que rejeitaram Minha Glória por uma imitação sem valor, essa mesma de que fala o profeta Daniel;3

falarei convosco com palavras simples, considerando o estado de vossa alma e vossa falta de Conhecimento; não venho à força com Meu Espírito para violar vossa liberdade nem para vos condenar; venho por Misericórdia para vos dar, à vontade, o pleno Conhecimento de Minha Vontade; através de Minha Perfeita Sabedoria, venho para aumentar em vós o Conhecimento que Eu Próprio vos dei; não venho para acrescentar coisas novas às que já vos foram dadas, mas para colocar Meu Reino no meio de vossos corações;

Cidadelas!4 ainda não compreendestes? ainda não compreendestes que Eu, o Senhor, vivo em vós? não compreendestes que sois Meus santuários? quando vos falo das coisas celestes, estais prontos para recebê-las?

escutai: as Escrituras dizem: "o zelo por Vossa Casa me devora;" com efeito, hoje, de novo, Meu zelo atingiu seu auge, e do alto, o Fogo descerá e devorará Meus santuários;5 Eu vos transformarei, Cidadelas,6 em um estado de Graça no qual não mais receareis desejar Minha Glória nem temer e admitir Minha Divindade;7

o Saqueador8 infiltrou-se como fumaça em vós, vós, que sois o santuário de Meu Espírito Santo, o santuário-cidadela de Minha Divindade; a fumaça de Satanás penetrou pelas dobradiças e as fendas, invadindo-vos em vosso sono, porque não Me havíeis reconhecido em Minha Divindade, mas seguistes vossas próprias ideias irracionais; digo-vos isto: Eu encherei vossa escuridão com Minha Luz, porque pretendo desposar-te, geração, com Meu Espírito Santo;9

foi dito que um dia, à força, o Rebelde vos alimentará com uma porção de Racionalismo e, no outro dia, com uma porção de Naturalismo, com a intenção de abolir e extinguir a pequena luz que ainda resta em vós, vós que sois Meu templo; o Invasor10 invadiu muitas de Minhas Cidadelas,11 forçando sua abominação desastrosa12 para dentro de vós e abolindo Meu Sacrifício13 Perpétuo de vosso interior14 para erguer, em seu lugar, uma imitação sem valor,15 uma imagem de homem mortal, que é uma abominação à Minha Santidade;16

vós sois Minha Cidade Santa,17

e vós, vós que permitistes Meu Espírito Santo fluir em vós como um Rio,18 sois Minha Nova Jerusalém,19 as Primícias,20 os que foram constantes na fé;21 e como orvalho saindo de Minha Boca, como gotas de chuva sobre a erva, poreis vossa Esperança em muitos corações áridos, porque toda a Glória radiante de Meu Coração se refletirá em vós, fazendo-vos brilhar como joias preciosas de diamante de puro cristal;22

em verdade Eu vos digo, muitos de vós que não nascestes do Espírito, recebereis do alto, por Minha Graça, o Espírito da Verdade; o Espírito da Verdade descerá do Céu, em Sua mais radiante Glória, e fará Sua Morada em vós; Meu Espírito Santo vos desposará para que vos torneis Sua esposa,23 embelezando-vos com Sua Santidade; e, de repente, as coisas Celestes ficarão visíveis em vossos corações, e Meu Reino ainda invisível ao coração se tornará visível e claro como cristal em toda sua Glória;

bem-amados de Minha alma, Cidadelas, benditos os que forem encontrados sem mancha;24

25 (esta é Minha maneira de vos ensinar as coisas celestes; não é sem trabalho, Minha filha, mas fica certa, tudo o que tenho para dizer será escrito e lido; esta é a Sabedoria ensinando-te, Minha Vassula; amo-te e Meu amor por ti é eterno;)

26deixarei que todos se maravilhem com Minhas primícias e, pouco a pouco, o velho mundo desaparecerá27 e se desgastará como um vestido;28 agora, só mais um pouco e tudo o que estava coberto será descoberto, e tudo o que estava escondido será revelado diante de vossos próprios olhos;

Minhas Novas Jerusaléns! vós, que sois as primícias de Meu Amor, vós a quem Meu Espírito Santo seduziu com Meu Novo Hino de Amor, vós a quem desposei, ide às nações e cantai para eles Meu Novo Hino de Amor;29 trabalhai pela Paz, espalhai as sementes que vos dei; sede como árvores que crescem à beira do Rio da Vida,30 que vossas folhas sejam bálsamos medicinais31 para os miseráveis, e que vossos galhos produzam frutos em santidade;

sede Meus reparadores de brechas,32 restauradores de Meus santuários destruídos; dai àqueles que caíram nas impiedosas redes de Satanás e foram alimentados com porções de Racionalismo e Naturalismo, Minha Água curativa de Meu Peito, essa torrente que jorra de Meu Santuário, 33 vos encherá e vos fará íntegros; homem algum será capaz de conter esse riacho; a torrente continuará jorrando profusamente de Meu Coração; ele fluirá por toda parte, dividindo-se em vários ramos, subdividindo-se em diversos outros riachos, indo em todas as direções, e por onde essa Água curativa correr, TODOS os doentes, coxos, cegos serão curados; até mesmo os mortos voltarão, de novo, à vida; ninguém poderá Me impedir de vos purificar;

ah! bem-amados! de rebeldes, Eu farei sacerdotes levitas; de pessoas que Me desonram, Eu transformarei em pérolas, cidades radiantes de luz para que Me honreis; e Eu viverei em vós, porque sereis revestidos de Minha Própria Santidade; Eu, o Senhor, estarei na terra dos vivos, e àqueles que sufocam Meu Espírito Santo e consideram tudo como insensatez, Eu vos digo: tenho coisas que estão além de vossas mentes; Eu demonstrarei o poder de Meu Espírito Santo e farei vossos lábios se abrirem e vosso coração clamar por Mim:

Abba!

o Amor vos aperfeiçoará; a Sabedoria vos ensinará a reconhecer Meu Espírito Santo, e Eu farei com que vos junteis aos santos também;

abençoo cada um de vós, deixando Meu Suspiro de Amor em vossas frontes; sede um sob Meu Santo Nome;

selfish

e vós, que sois Meus instrumentos escolhidos para levar Meu Amor aos pagãos e rebeldes, continuai vossa jornada Comigo; permiti que vos chame quando quiser;

Eu Sou está convosco e vos ama; vinde;


1 Alusão aos Novos Céus e à Nova Terra. (Ap. 21, 1).

2 Alusão a Mt. 24, 19.

3 Aos incrédulos que não mais acreditam no Sacrifício Perpétuo que é a Santa Comunhão, nem na Ressurreição.

4 Nós somos a morada de Deus, uma cidadela para Deus. Ele nos interpela, chamando-nos de "Cidadelas". Ver Dn. 11, 31-39.

5 Nós.

6 Isto é: nós.

7 Deus refere-Se aos não convertidos e aos incrédulos que recusam a Santa Eucaristia e negam a Presença Real de Cristo na Eucaristia; Ele os modificará pela Graça.

8 Satanás.

9 Ap. 21, 2; Ap.21, 9-11.

10 Satanás.

11 Nós. Alusão a Dn 11, 31. "Tropas enviadas por ele virão e profanarão o Santuário-cidadela."

12 A Nova Era. O materialismo e o racionalismo conduzem ao ateísmo.

13 Uma vez que essas pessoas caem nessas seitas ou no ateísmo, elas também param de receber o Perpétuo Sacrifício que é a Santa Eucaristia. Dn. 11, 31.

14 Ler Dn. 11, 31-39 ; Ap. 13, 14-18; e Ap. 21, 1-27.

15 Seitas macaqueando a Palavra de Deus.

16 Jesus estava chorando.

17 Jesus disse isso com muita majestade. Ap. 21, 2.

18 Ler Ez. 47,1-2; Ap. 22,1-2.

19 Ap. 21, 2.

20 Ap. 14, 4.

21 Ap. 13, 10.

22 Ap. 21, 11.

23 Ap. 21, 2,9.

24 Alusão a Mt. 5, 19-20.

25 Jesus fala agora comigo.

26 Continuação da Mensagem.

27 Ap. 21, 4.

28 Hb. 1, 11.

29 Ap. 14, 3.

30 Ap. 22, 1.

31 Ap. 22, 2. Ez. 47, 12.

32 Is. 58, 12.

33 O Corpo de Cristo (o Coração). Ez. 47, 12.


Compartilha esta Mensagem!