O HINO DE AMOR

(Maratona com Jesus)


 

Tua fraqueza Me atrai

15 de outubro de 1988

Senhor?

Eu sou;

Eu jamais encontrei, desde toda eternidade, tal fraqueza como a tua, é espantoso...1 filha, precisas de Mim, tua fraqueza Me atrai, a Mim, que sou a Força Infinita, tua fraqueza Me encanta; a fraqueza sempre Me atraiu como imã;

escuta as batidas de Meu Coração; Eu sou Jesus e Meu Sagrado Coração é tua Casa; filha, cada batida de Meu Coração é uma canção de amor para ti; desatei tuas correntes de servidão com este mundo, permanece agora desprendida como Eu o desejei desde toda a eternidade, quero esse mesmo desprendimento de cada alma; procura compreender quem poderia fazer isso a não ser Eu, teu Salvador? Eu sou quem te redimiu da escravidão do pecado, e essa é a razão pela qual os demônios são agressivos contigo, sentiste sua presença sufocante nesta semana; dedica-te a Mim, pois tua devoção e fidelidade agradam ao Meu Sagrado Coração, este Coração sedento de amor e de fidelidade;

vem a Nós nesta gruta,2 e lá Nos invoca;

Sim, Jesus. Sim, Santa Mãe.

Vassula de Meu Sagrado Coração, sente-te amada por Mim, sente-te amada por tua Santa Mãe; permite-Me fazer uso de ti apenas por mais um instante; nós;

Sim, Senhor. Senhor?

Eu sou;

Esse amor que Vos tenho e o ardente desejo de sentir-Vos e de querer-Vos constantemente comigo, sempre mais sedenta de Vós, pensando somente em Vós, dia e noite; em resumo, vivendo por Vós, algumas vezes querendo ver-Vos a olhos nus; são esses sentimentos de desejo de “ver-Vos” como o das almas no Purgatório que ainda não estão Convosco?

eles3 estão muito próximo daquilo que as almas4 sentem; no entanto, são sentimentos mais profundos e mais claros;5

Então deve ser realmente terrível!

sim, elas sofrem muito; se, na Terra, elas nunca Me desejaram, elas aprendem, então, a desejar-Me no purgatório, lá elas não veem Minha Face mas ardem com esse desejo;

Sim, meu Senhor. Obrigada, meu Senhor.

16 de outubro de 1988

(Visitei uma igreja anglicana em Lausanne, porque gosto de lá receber a Santa Comunhão. Vamos todos à frente e ajoelhamos. O padre, então, traz primeiramente a Hóstia e depois o Cálice com o Sangue de Jesus, e todos bebem. Acho que é perfeito e exatamente do modo como Jesus quer que recebamos a Santa Eucaristia. Mas, como eles não rezam a Ave-Maria, vou até lá para saudá-La, sem que ninguém saiba. Aquela Igreja deve ter recebido a primeira Ave Maria.)


1 Foi por causa da terrível onda de dúvidas. Onde há as reticências, deixei Deus sem palavras.

2 Uma gruta acima do "Ermitério de Longeborgne".

3 Nota do editor: Os sentimentos de Vassula.

4 Nota do editor: almas no purgatório.

5 Nota do editor: as sensações de sofrimentos das almas no purgatório são mais profundas.


Compartilha esta Mensagem!